Polícia

Homem que mantém família refém é suspeito de matar ex-companheira com bebê no colo em Manaus

Ele tem uma ficha criminal extensa e é suspeito de cometer nove homicídios.


Redação AM POST

Isaac de Souza Martins, de 37 anos, que mantém a esposa e os filhos reféns desde a madrugada desta segunda-feira (17), dentro de casa no bairro Mutirão, zona Norte de Manaus, tem uma ficha criminal extensa e é suspeito de cometer nove homicídios entres eles o da ex-companheira.

Continua depois da Publicidade

De acordo com a polícia, na época em que foi preso, ele teria matado a ex-companheira em 2006 com um tiro na cabeça. A vítima estava com um bebê, filha do casal, no colo.

Ainda segundo a polícia, ele também teria matado um desafeto a pauladas. Isaac é ex-presidiário e tem passagens por homicídio, violência doméstica e também participou de massacre no Complexo Penitenciário Anísio Jobim – COMPAJ.

Ele teria conhecido a atual mulher, identificada como Rosana de Almeida Fonseca, de 40 anos, enquanto ainda estava preso, anos depois de relacionamento, ela começou a sofrer agressões domésticas. Ela está na mira de uma faca e possivelmente um revólver, há mais de 12h junto com os filhos de 7 e 8 anos.

Continua depois da Publicidade

A polícia segue tentando negociação com o indivíduo para liberação das vítimas.