Polícia

Mãe é condenada por permitir estupro da filha de 11 anos para não pagar aluguel a dono de quitinete

A criança contou que foi abusada pelo menos cinco vezes pelo homem que dava doces, presentes e até R$ 10 após os estupros.


Redação AM POST

A mãe de uma menina de 11 anos foi condenada a 8 anos de prisão, em regime semiaberto, por deixar a filha ser estuprada pelo dono da quitinete que morava para não pagar o aluguel em Mato Grosso do Sul. O estuprador também foi condenado a 14 anos e 8 meses de prisão.

Continua depois da Publicidade

O crime aconteceu entre os meses de março e abril de 2017. A criança contou que foi abusada pelo menos cinco vezes pelo homem que dava doces, presentes e até R$ 10 após os estupros.

O crime acontecia quando a mãe não estava em casa, a menina era levada para a casa do agressor, mas as vezes o estupro acontecia na casa da vítima mesmo.

Segundo a denúncia, a mãe da menina se omitia quanto aos fatos para não precisar pagar o aluguel. Os dois irão recorrer em liberdade.

Continua depois da Publicidade