Polícia

Pai e tio morrem após briga por choro de criança autista de 4 anos

Uma das vítimas irritou-se com o choro ininterrupto da criança, com transtorno do espectro autista, e deixou a própria residência para brigar.


Redação AM POST

Dois homens morreram no último fim de semana em Teresina, Piauí, após uma briga iniciada por conta do choro do filho de um deles.

Continua depois da Publicidade

Tudo começou na última sexta-feira (29), quando Daniel Flauberth Gomes, de 38 anos, irritou-se com o choro ininterrupto do sobrinho, de 4, com transtorno do espectro autista, e deixou a própria residência para brigar com a criança.

Ao tomar conhecimento do ocorrido, o pai da criança, Felipe Guimarães Martins Holanda, de 37 anos, foi tirar satisfação com o cunhado.

Felipe teria levado uma faca para confrontar Daniel, que é instrutor de tiro. O rapaz, então, empunhou uma arma e disparou contra o cunhado. O tiro, porém, acertou a cabeça da babá Juliana da Silva, de 36 anos, que brincava com as crianças no mesmo terreno.

Continua depois da Publicidade

Felipe foi para cima do cunhado. Os dois entraram em luta corporal e novos disparos foram dados, acertando o rapaz na virilha e Daniel na cabeça. Os dois morreram no local.

Já Juliana foi resgatada com vida e levada a um hospital da região. Ela segue internada em estado grave.

Continua depois da Publicidade