Pesquisar por em AM POST

Polícia

PF apreende mais de R$ 60 milhões vindos de crimes tributários

Crimes estariam sendo praticados por pessoas ligadas a empresas de entretenimento e de autopeças de SP

  • Por AM POST

  • 12/03/2024 às 10:03

  • Leitura em dois minutos

Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal confiscou propriedades e automóveis avaliados em mais de R$ 60 milhões durante uma ação na manhã desta terça-feira (12) no estado de São Paulo. Em colaboração com a Receita Federal e a Fazenda Municipal de São Paulo, estão sendo executados 15 mandados de busca e apreensão nas localidades do Guarujá, Itu e Indaiatuba, além da capital paulista.

Conforme as investigações que embasaram a “Operação Latus Actio”, indivíduos vinculados a empresas nos setores de entretenimento e autopeças do estado de São Paulo estavam envolvidos em crimes contra a ordem tributária e lavagem de dinheiro.

PUBLICIDADE

Além dos mandados de busca, foram emitidas decisões judiciais de bloqueio de recursos em contas bancárias das pessoas físicas e jurídicas investigadas, atingindo aproximadamente R$ 1 bilhão, devido à constatação de tentativa de ocultação da origem, destino e natureza de valores movimentados pelos envolvidos.

Segundo o inquérito policial, iniciado no primeiro semestre de 2022, ocorriam transações financeiras suspeitas em contas bancárias de pessoas e empresas. O propósito era movimentar e esconder recursos de origem ilícita e não declarados ao Fisco.

Os policiais identificaram diversas operações, tanto de crédito quanto de débito, envolvendo terceiros “laranjas” e empresas fictícias ou de “fachada”, algumas associadas a indivíduos com extensa ficha criminal por delitos como tráfico de drogas, crimes contra o patrimônio e organização criminosa.

PUBLICIDADE

Apenas um dos empresários investigados foi autuado pela Receita Federal em 2023, com valores superiores a R$ 43 milhões.

As diligências realizadas nesta terça-feira visam reunir mais evidências de crimes contra a ordem tributária, lavagem de dinheiro e outros delitos.

PUBLICIDADE

A Receita Federal iniciará novas ações fiscais, desta vez contra as pessoas jurídicas, incluindo uma beneficiária do Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos (PERSE).

A Fazenda Municipal de São Paulo conduzirá 21 operações fiscais contra empresas mencionadas no inquérito policial, baseando-se em elementos de prova que indicam também a sonegação do Imposto sobre Serviços (ISS).

PUBLICIDADE

Redação AM POST

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank