PM que foi baleado em ataque de grupo criminoso morre no Hospital 28 de Agosto

Ele estava internado há três semanas.

Redação AM POST

O cabo da Polícia Militar, identificado como Aldison Guacebe de Almeida, que estava internado há três semanas após ser baleado em uma ataque de criminosos, morreu neste sábado (26), no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto.

De acordo com a polícia, a vítima estava com outros dois PMs em serviço no Distrito de Auxiliadora, no município de Humaitá (distante a 590 quilômetros da capital), quando um grupo com cerca de 15 meliantes embriagados e armados os surpreenderam roubando suas armas e os alvejando em seguida.

Continua depois da Publicidade

Ainda segundo a polícia, apenas três envolvidos foram presos e as armas também foram recuperadas.

Em nota, a Polícia Militar do Amazonas lamentou a morte de Aldison Almeida e disse que está providenciando o translado do corpo para Humaitá.

Leia nota na íntegra:

Continua depois da Publicidade

NOTA DE PESAR

É com grande pesar e consternação que a Polícia Militar do Amazonas, informa o falecimento do CB PM ALDISON GUACEBE DE ALMEIDA (SI/PMAM Nº 23180), do efetivo do 4° BPM – HUMAITÁ, na manhã de hoje (26/09/2020 – sábado), no Hospital e Pronto-Socorro 28 de Agosto, local onde se encontrava internado, vítima de arma de fogo em ocorrência policial militar naquele município.

O Serviço Social e Funeral da PMAM, encontra-se com a família dando apoio e providências quanto ao funeral.

Continua depois da Publicidade

O Comando da PMAM está providenciando o translado do corpo para a sua cidade, local onde receberá as honras militares e será sepultado.

Transmitimos nossos mais profundos sentimentos.

“Polícia Militar do Amazonas, Servir e Proteger!”

Continua depois da Publicidade