Polícia

Polícia tenta negociação há mais de 8h com homem que mantém a própria família refém em Manaus

A energia do local foi cortada após a polícia descobrir que o indivíduo estava acompanhando as notícias sobre o caso pela internet e Tv.


Redação AM POST

O ex-presidiário Isaac de Souza Martins, de 37 anos, que mantém a esposa Rosana de Almeida Fonseca, de 40 anos refém junto com os filhos de 7 e 5 anos, estava acompanhando as notícias sobre a ação policial pela TV e Internet. Ele mantém as vítimas sob a mira de uma faca em uma residência no bairro Mutirão, zona Norte de Manaus.

Continua depois da Publicidade

De acordo com a polícia, por ele estar acompanhando notícias sobre o caso, a energia da residência foi cortada e o indivíduo permanece transtornado e ainda não entrou em acordo com a PM sobre a libertação das vítimas.

O indivíduo está nos fundos da casa e os militares da Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) e da Companhia de Operações Especiais (COE) tentam, por mais de 8 horas, negociar com o homem para liberar os reféns.