Polícia

Trio é preso por furtos de fios de cobre de uma empresa de telefonia na zona sul de Manaus

Os furtos de fios de cobre de empresas, já gerou um prejuízo de, aproximadamente, meio milhão de reais.


Redação AM POST –

Na madrugada desta sexta-feira (30/08), por volta de 1h, as equipes de investigação da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd), sob o comando dos delegados Guilherme Torres e Demetrius Queiroz, titular e adjunto, respectivamente, da especializada, deflagraram ações que resultaram nas prisões, em flagrante, de Edson Hosana Nazaré, 48, Elivelton da Silva Castro, 27, e Geovane Barroso dos Santos, 33, por furtos de fios de cobre de uma empresa de telecomunicações, situada no bairro Adrianópolis, zona centro-sul da capital.

Continua depois da Publicidade

De acordo com o delegado, Guilherme Torres, as investigações em torno do caso iniciaram com o registro de 17 Boletins de Ocorrência (BOs), formalizados pela empresa, na unidade policial. Conforme o titular da Derfd, desde janeiro deste ano, as equipes da especializada intensificaram as diligências para o combate aos furtos de fios de cobre de empresas, que já gerou um prejuízo de, aproximadamente, meio milhão de reais.

“Fomos informados, por meio de uma denúncia anônima, que os indivíduos haviam furtado os fios de cobre da empresa que já tinha feito os BOs. Então, estávamos esperando o momento exato para prender eles. Com a ação criminosa nesta madrugada, tivemos conhecimento da localização do trio. Com isso, imediatamente conseguimos prender os infratores em via pública nos bairros Educandos, e na primeira etapa do bairro Distrito Industrial, na zona sul da capital”, disse Torres.

Ainda segundo Torres, os cabos de telefonia são compostos de 90% de cobre, o que atrai a atenção de infratores. De janeiro a agosto já foram instaurados 28 Inquéritos Policiais (IPs) e 44 pessoas foram presas pela autoria desse tipo de delito.

Continua depois da Publicidade

Flagrante – Edson, Elivelton e Geovane, foram autuados em flagrante por furto qualificado. Ao término dos procedimentos cabíveis no prédio da Derfd, o trio será levado para audiência de custódia, no Fórum Ministro Henoch da Silva Reis, bairro São Francisco, zona sul de Manaus.

*Com informações da Assessoria de Imprensa

Continua depois da Publicidade