Pesquisar por em AM POST

Polícia

Vídeo: Mulher é estuprada e tem rosto desfigurado após ser arrastada para terreno baldio

Ela também apresentava sinais de traumatismo craniano.

  • Por AM POST

  • 17/06/2024 às 20:03

  • Atualizado em 18/06/2024 às 13:24

  • Leitura em 1 minuto

https://ampost.com.br/policia/video-mulher-e-estuprada-e-tem-rosto-desfigurado-apos-ser-arrastada-para-terreno-baldio/

https://ampost.com.br/policia/video-mulher-e-estuprada-e-tem-rosto-desfigurado-apos-ser-arrastada-para-terreno-baldio/-Foto: Divulgação

Um homem foi preso suspeito de espancar e estuprar uma mulher de 56 anos na madrugada de domingo (16), em Senador Canedo, região Metropolitana de Goiânia. A vítima ficou com o rosto desfigurado por conta das agressões.

De acordo com a Polícia Militar, a vitima foi puxada pelo cabelo e arrastada para um terreno baldio. Ela foi encontrada com apenas uma camiseta e tinha o rosto desfigurado, vários ferimentos e hematomas pelo corpo. Ela também apresentava sinais de traumatismo craniano.

PUBLICIDADE

A polícia ainda relatou que a mulher gritava que tinha sido roubada e estava sem seu celular. Ela foi socorrida e levada para o Hospital. No local, a equipe confirmou que ela tinha sido estuprada.

O homem foi preso em casa após a polícia conseguir a identificação dele por meio das imagens de segurança. Segundo os policiais, o homem ainda vestia as roupas que usou durante o crime, que estavam sujas de sangue.

Através das imagens, os agentes identificaram que o homem e a vítima estiveram junto em uma distribuidora de bebidas e deixaram o local por voltas das 2h do domingo.

PUBLICIDADE

Veja:

PUBLICIDADE

*Redação AM POST 

O AM Post apoia a causa autista
blank

O Autismo é ver o mundo de um outro jeito, e cada um de nós temos que achar um jeito de entender as diferenças.

- Dr. Leonardo Maranhão

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank