Política

Bolsonaro diz que Lula ‘não consegue comprar uma pinga sem ser vaiado’

Presidente afastou possibilidade de surgimento de uma terceira via nas eleições de 2022. “Está entre mim e o ex-presidiário”, disse.

Redação AM POST*

Ao desacreditar as pesquisas eleitorais que apontam possível vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições de 2022, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou que o petista não consegue comprar uma pinga sem ser vaiado.

Continua depois da Publicidade

“Nós estamos fazendo de tudo para evitar problemas. Olha, o Datafolha diz que o Lula tem 49% e eu tenho 25%. Depois, no segundo turno, ele ganha de 60% de mim. Agora, eu ando pelo Brasil todo, sem problema. Ele não consegue comprar uma pinga no botequim que vai ser vaiado”, pontuou o presidente.

A pesquisa mencionada pelo presidente foi divulgada pelo instituto no início do mês de julho. De acordo com o Datafolha, Bolsonaro perderia as eleições caso estivesse disputando o cargo de presidente com Lula.

Os dados da pesquisa ainda apontam a queda da popularidade de Bolsonaro, o que se atribui com o posicionamento e administração na pandemia da covid-19, além das investigações feitas no Senado Federal pela CPI da Covid.

Continua depois da Publicidade