Pesquisar por em AM POST

Política

Candidato argentino, Milei diz que se eleito não se reunirá com Lula por considerá-lo “comunista” e “corrupto”

A declaração foi feita durante uma entrevista.

  • Por AM POST

  • 09/11/2023 às 21:12

  • Atualizado em 10/11/2023 às 07:13

  • Leitura em 1 minuto

Política – O candidato à presidência da Argentina, Javier Milei, causou polêmica ao afirmar que, se eleito, não se reunirá com o presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva (PT), por considerá-lo “comunista” e “corrupto”. A declaração foi feita durante uma entrevista ao jornalista peruano Jaime Bayly, e tem gerado repercussão tanto no Brasil quanto na Argentina.

Durante a entrevista, Milei foi questionado sobre a possibilidade de manter relações diplomáticas com o governo brasileiro e se reunir com Lula. O candidato libertário respondeu de forma contundente, afirmando que não se reunirá com o ex-presidente brasileiro por considerá-lo um “comunista” e um “grande corrupto”, fazendo referência ao período em que Lula esteve preso por corrupção.

PUBLICIDADE

Além de afirmar que não se reunirá com Lula, Milei também declarou que, se eleito, cortará as relações diplomáticas entre Buenos Aires e Brasília. No entanto, ao ser questionado sobre o possível impacto dessa decisão nas relações comerciais entre os dois países, o candidato desconversou, afirmando que os indivíduos poderão fazer transações comerciais com quem quiserem, mas como chefe de Estado, ele só se reunirá com os Estados Unidos, Israel e o “mundo livre”.

Redação AM POST*

O AM Post apoia a causa autista
blank

O Autismo é ver o mundo de um outro jeito, e cada um de nós temos que achar um jeito de entender as diferenças.

- Dr. Leonardo Maranhão

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank