Eduardo Braga diz que empresa Azul vai ampliar serviços aéreos na Amazônia

Ele recebeu presidente da Azul, que anunciou programa para atender mais de 20 cidades na Amazônia.


Redação AM POST

Em audiência com o senador Eduardo Braga (MDB-AM), líder do MDB no Senado, o presidente da empresa aérea Azul, John Rodgerson, afirmou que a Azul vai oferecer serviços aéreos em mais de 20 cidades da Amazônia, tendo como interligação o aeroporto de Manaus.

“A única maneira de o Brasil vencer as enormes distâncias em seu território é ter uma aviação regional competente, eficiente, com mais hangares e mais aeronaves”, afirmou o senador Eduardo.

Continua depois da Publicidade

O parlamentar lembrou que vem lutando há décadas pelo incremento da aviação doméstica, que, segundo ele, tem um déficit de pelo menos 40 anos no país. “ E o problema não é dinheiro, é falta de vontade política”, observou.

Segundo Braga, a Agência Nacional de Aviação Civil não pode “tratar os desiguais de forma igual”.

O líder do MDB, que tem uma interlocução privilegiada com o ministro da Infraestrutura Tarcísio de Freitas, se dispôs a apoiar o projeto da Amazônia Legal no que for necessário. Ele disse também que vai atuar na articulação junto aos demais senadores para a rápida tramitação das medidas do Voo Simples que tiverem de ser analisadas no Congresso Nacional.

Continua depois da Publicidade

Voo Simples

O Voo Simples significa um impulso importante à aviação doméstica, com medidas de desregulação e desburocratização da aviação, afetando aeronautas, aeroportos e empresas do setor. Entre outros avanços, o programa facilita a certificação de pequenos aeroportos. Atualmente, muitos dos requisitos para operadores aéreos são os mesmos, independentemente do seu tamanho. O Voo Simples também acaba com a autorização prévia para a construção de aeroportos; será necessária apenas a certificação do aeródromo após o fim das obras.

Expansão da aviação

Continua depois da Publicidade

O projeto de expansão da aviação regional na Amazônia será lançado nas próximas semanas pela companhia Azul, a partir do programa Voo Simples, anunciado nesta terça-feira (07) pelo governo federal.

*Com informações da assessoria