Pesquisar por em AM POST

Política

Gritos de “Lula Livre” durante missa em igreja católica geram revolta na redes sociais

Internautas compararam o ex-presidente a Barrabás, o ladrão que foi solto no lugar de Jesus, como descrito na Bíblia.

  • Por AM POST

  • 22/07/2019 às 12:08

  • Leitura em 1 minuto

O senador pernambucano Humberto Costa, filiado ao PT, compartilhou um vídeo polêmico em suas redes sociais na noite deste domingo (21). Nas imagens, um grupo de fiéis gritam por “Lula Livre” durante uma missa.

O vídeo foi gravado durante uma apresentação do artista Antonio Nóbrega, no Festival de Inverno de Garanhuns (FIG), que aconteceu na Igreja Matriz de Garanhuns. Em sua performance, Antonio criticou a família Bolsonaro relembrando o caso Queiroz e caçoando da escolha de Eduardo Bolsonaro para a embaixada do Brasil nos Estados Unidos.

PUBLICIDADE

– E quem quiser ser agora embaixador não precisa ser doutor, muito menos estudar. E nem carece patente de diplomata, tudo corre na mamata que só anda a prosperar. Os requisitos são bem poucos pro fulano. Basta ser miliciano e um hambúrguer fritar. E ser padrinho de um laranja, o Queiroz. Dar banana para nós e pro Trump se abaixar – diziam os versos recitados pelo artista.

Ao final, Antonio Nóbrega foi ovacionado pela multidão com os gritos de liberdade para o ex-presidente. Nas redes sociais, muitos criticaram por transformarem o espaço da igreja em showmício. Outros compararam Lula a Barrabás, o ladrão que foi solto no lugar de Jesus, como descrito na Bíblia.

– Absurdo saudar qualquer politico em um culto ou missa. Isso é deplorável e jamais aceitaria algo parecido em minha Igreja para nenhum político. Nenhum mesmo – opinou o pastor Alexandre Gonçalves pelo Twitter.

PUBLICIDADE

Fonte: Pleno.News

O AM Post apoia a causa autista

O autismo não limita as pessoas. Mas o preconceito sim, ele limita a forma com que as vemos e o que achamos que elas são capazes.

- Letícia Butterfield

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank