Pesquisar por em AM POST

Política

Justiça Eleitoral obriga PT a filiar atriz pornô Tigresa Vip ao partido

A defesa da atriz afirma que ela sofreu discriminação ao ter sua filiação suspensa.

  • Por AM POST

  • 26/05/2022 às 13:58

  • Leitura em dois minutos

Redação AM POST

A atriz pornô Ester Caroline Pessato, de 24 anos, obteve nesta quarta-feira uma liminar na Justiça Eleitoral de Mato Grosso que determina sua filiação ao PT. Conhecida como Tigresa Vip, ela chegou a ter sua pré-candidatura a deputada estadual anunciada em um evento na capital Cuiabá, mas posteriormente sua filiação foi rejeitada pelo partido.

PUBLICIDADE

A liminar foi concedida pelo juiz Alexandre Paulichi Chiovitti, da 38° Zona Eleitoral de Santo Antônio do Leverger. Na ação, a defesa da atriz afirma que Ester sofreu discriminação ao ter sua filiação suspensa sem direito de defesa, convocação para a pauta ou qualquer notificação de infração a agremiação.

Conforme a defesa, no dia 18 de abril, o PT fez uma ‘votação’ dirigida pela secretaria da legenda em um grupo de Whatsapp, cuja decisão resultou na suspensão da filiação da atriz. Para o juiz, o processo de suspensão correu sem a observância dos direitos de defesa de Ester Tigresa, já que o partido não homologava a filiação e não respondia aos questionamentos da atriz.

Ester Caroline Pessatto, 24, é uma atriz pornô que ganhou os holofotes nas redes sociais após polêmicas na tentativa de filiação ao Partido dos Trabalhadores (PT) no estado do Mato Grosso. Também conhecida como ‘Tigresa Vip’, Ester protagoniza uma briga judicial para ter o direito de se filiar e ser candidata a deputada estadual nas eleições de outubro.

PUBLICIDADE

Segundo portais da região, a atriz ficou famosa por fazer vídeos pornográficos ao lado do marido, que eram compartilhados em aplicativos de mensagens. Hoje, Ester possui site próprio para assinantes, além de um canal no YouTube que atualmente conta com 1,5 milhão de inscritos. Na plataforma, ela conta experiências pessoais e profissionais, além de comentar a luta pelo direito de se filiar, mais recentemente.

O AM Post apoia a causa autista
blank

O autismo não limita as pessoas. Mas o preconceito sim, ele limita a forma com que as vemos e o que achamos que elas são capazes.

- Letícia Butterfield

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank