Manaus entra na disputa para receber filial da Organização Mundial do Turismo, afirma Delegado Pablo

Com a instalação da sede da OMT em Manaus, a capital amazonense entrará na lista das cidades turísticas com divulgação mundial promovida pela ONU.

Redação AM POST

Manaus, Rio de Janeiro e Brasília são as cidades brasileiras na disputa para receber uma das filiais da Organização Mundial do Turismo (OMT), que é o órgão das Nações Unidas (ONU) responsável por incentivar o turismo no mundo.

A notícia foi divulgada pelo deputado federal do Amazonas, Delegado Pablo, que usou as redes sociais para informar que a OMT planeja instalar um escritório no Brasil, e Manaus é uma das cidades na disputa.

Continua depois da Publicidade

Segundo o deputado, o diretor geral da OMT, Zurab Pololikashvili, está no Brasil para participar das comemorações pelos 54 anos da Embratur. Em reunião com o presidente Jair Bolsonaro, Zurab disse que o Brasil receberá um escritório da OMT.

Pablo explica que na reunião, que teve também a participação do presidente da Embratur, Gilson Machado, foram citadas três capitais para receber a sede brasileira da OMT.

Nesta quinta-feira (19), o deputado protocolou na Embratur o pedido para que Manaus receba a sede brasileira da OMT. O documento destaca as qualidades turísticas do Amazonas e será analisado pelo Ministério do Turismo e pela Organização Mundial do Turismo.

Continua depois da Publicidade

“Manaus está na disputa para receber uma filial da OMT. Estamos concorrendo com grandes cidades, por isso vamos mostrar as qualidades de Manaus para vencer esta disputa”, afirmou o deputado.

Com a instalação da sede da OMT em Manaus, a capital amazonense entrará na lista das cidades turísticas com divulgação mundial promovida pela ONU.

Aptidões naturais do Amazonas como ecoturismo, turismo de pesca, de aventura e o turismo cultural são qualidades valiosas para atrair turistas ao Estado. “A retomada do turismo, com apoio da OMT, permitirá a injeção de recursos em setores como hotelaria, transporte, restaurantes, comunicação e eventos artísticos, além de retomar os empregos perdidos com a crise econômica”, prevê Pablo.

Continua depois da Publicidade

O parlamentar se comprometeu em lutar junto ao Ministério do Turismo e à Embratur, além de mobilizar a banca do Amazonas no Congresso Nacional, para que Manaus seja escolhida pela OMT.

* Com informações da assessoria de imprensa