Pesquisar por em AM POST

Política

Moraes rebate ataques de Elon Musk: “Liberdade de expressão não é liberdade de agressão”

Os ataques estão sendo registrados desde o último final de semana.

  • Por AM POST

  • 10/04/2024 às 18:16

  • Leitura em dois minutos

Foto: Reprodução

Após ser alvo de ataques do bilionário Elon Musk, dono do X (antigo Twitter), o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), abriu a sessão da Corte, nesta quarta-feira (10), falando sobre as diferenças das expressões “liberdade de expressão” de “liberdade de agressão”.

Os ataques estão sendo registrados desde o último final de semana. O magistrado recebeu apoio de seus colegas no STF. Além do próprio Moraes, também debateram sobre o tema o presidente da Corte, Luís Roberto Barroso, e o decano do Supremo, ministro Gilmar Mendes.

PUBLICIDADE

“Tenho absoluta convicção de que o Supremo Tribunal Federal, a população brasileira e as pessoas de bem sabem que liberdade de expressão não é liberdade de agressão”, afirmou Moraes

“Sabem que liberdade de expressão não é liberdade para a proliferação do ódio, do racismo, da misoginia, da homofobia. Sabem que liberdade de expressão não é liberdade de defesa da tirania. Talvez alguns alienígenas não saibam, mas passaram a aprender e tiveram conhecimento da coragem e da seriedade do Poder Judiciário brasileiro”, completou.

Gilmar Mendes, ministro do STF também criticou os ataques do dono do X e manifestou solidariedade ao colega de tribunal. Ele também destacou a necessidade de um profundo debate no país sobre a regulação das redes sociais.

PUBLICIDADE

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF) e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), avançou em suas investidas no inquérito que apura a conduta de supostas milícias digitais, agora recorrendo à inclusão do proprietário do Twitter/X, Elon Musk. Segundo o magistrado, essa medida se justifica pela evidente instrumentalização criminosa das redes sociais para práticas delituosas, inclusive atentatórias ao regime democrático brasileiro.

O ministro do Supremo ameaçou ainda multar a empresa em R$ 100 mil, por dia, caso ela restabeleça perfis derrubados por ordem da Corte.

PUBLICIDADE

O bilionário Elon Musk, dono do X, da SpaceX e da Tesla (TSLA34), voltou a usar sua conta oficial no antigo Twitter para atacar o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Desta vez, sobrou também para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), outro alvo do empresário.

Em mensagens publicadas na noite de segunda-feira (8), depois de já ter criticado duramente o ministro do STF no fim de semana, Musk subiu o tom e voltou a chamar Moraes de “ditador”.

PUBLICIDADE

*Redação AM POST

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank