O portal de notícias da Amazônia



Política

PF encontra documento sobre estado de sítio no escritório de Wajngarten, advogado de Bolsonaro

PF encontrou na sede do PL, em Brasília, documento que anuncia a decretação de estado de sítio e da garantia da lei e da ordem no Brasil.

  • Por AM POST

  • 09/02/2024 às 10:15

  • Atualizado em 09/02/2024 às 07:14

  • Leitura em dois minutos

Agentes da Polícia Federal (PF) encontraram um documento no escritório do advogado Fabio Wajngarten, que representa o ex-presidente Jair Bolsonaro, na sede do Partido Liberal (PL) em Brasília. O documento, que anuncia a decretação de estado de sítio e operação de garantia da lei e da ordem no Brasil, levantou especulações e preocupações sobre seu propósito e autenticidade.

Wajngarten, conhecido por sua ligação estreita com Bolsonaro e por ter ocupado o cargo de chefe da Secretaria de Comunicação Social durante o governo do ex-presidente, rapidamente se manifestou nas redes sociais, negando qualquer ligação entre o documento encontrado e as posições políticas de Bolsonaro. Em uma postagem no X (antigo Twitter), ele afirmou que o documento é apócrifo e que não condiz com as tradicionais falas do ex-presidente.

PUBLICIDADE

“Tal documento apócrifo em tese é encontrado na sede do partido. Padrão do documento não condiz com as tradicionais e reconhecidas falas e frases do presidente”, escreveu Wajngarten, tentando distanciar Bolsonaro das especulações sobre o conteúdo do documento.

O documento em questão levantou ainda mais polêmica devido às recentes alegações de uma suposta tentativa de golpe de Estado para anular a vitória do presidente Luiz Inácio Lula da Silva nas eleições de 2022. A PF deflagrou uma operação na manhã desta quinta-feira (8/2), cumprindo 33 mandados de busca e apreensão e quatro de prisão preventiva, incluindo ex-ministros e ex-assessores de Bolsonaro.

A ação, autorizada pelo ministro Alexandre de Moraes do Supremo Tribunal Federal (STF), intensificou o clima político já tenso no país. Enquanto isso, Wajngarten continua firme em sua posição, reiterando que o documento encontrado não reflete as convicções políticas de Bolsonaro e sugerindo que há uma tentativa de envolver o ex-presidente em um cenário político que ele nunca teria apoiado.

PUBLICIDADE

Faça parte da comunidade

  • Praticidade na informação

  • Notícias todos os dias

  • Compartilhe com facilidade

blank WhatsApp Telegram

Apoie o AM POST

O AM POST está há mais de 8 anos produzindo jornalismo sério e de qualidade. É uma luta constante manter este projeto com a seriedade e a qualidade que nos propomos.

Apoie

blank

Últimas notícias

blank
blank
blank
blank
blank
blank