Política

Vereador Amom critica presidente da CMM por dificultar acesso a informações sobre construção milionária de novo anexo

Segundo o vereador, o edital sequer foi publicado na internet e uma burocracia estranha foi imposta para quem quiser ter acesso as informações.

Redação AM POST*

O vereador Amom Mandel (Podemos) usou suas redes sociais para criticar a presidência da Câmara Municipal de Manaus (CMM), comandada pelo vereador David Reis (Avantes), por dificultar o acesso ao edital com informações sobre a construção de um novo prédio anexo ao parlamento que deve custar quase R$ 32 milhões aos cofres públicos.

Continua depois da Publicidade

“Fiquei sabendo através da mídia da intenção da presidência de construir mais um anexo. Não fui informado sobre nada disso antes e me recusei a assinar os atos. Vi que o edital sequer foi publicado na internet e uma burocracia estranha foi imposta para quem quiser ter acesso”, escreveu.

Veja documento na íntegra: (CLIQUE AQUI)

“Tendo em vista a estranha dificuldade imposta para acessar esse edital, fui à comissão de licitação da câmara municipal e peguei o arquivo eu mesmo”, completou o vereador.

Continua depois da Publicidade

Edital de licitação da Comissão Permanente de Licitação da CMM (CPL), mostra que o presidente da CMM, David Reis, já empenhou mais de R$ 31 milhões para construção do prédio anexo II da Casa. Tal construção ainda nem saiu do papel, mas já está desembolsando milhões dos cofres públicos.